• Espinafres

Cada vez mais utilizados na alimentação diária, os espinafres tradicionalmente incluídos na sopa, são também utilizados com frequência em saladas, bolos ou batidos. Sendo um alimento muito rico do ponto de vista nutricional, contém cálcio, ferro, magnésio, fibras, vitaminas A e K, carotenóides, ómega-3 e antioxidantes.

É um alimento que não deve ser esquecido pelos benefícios que poderá acarretar para o nosso organismo, nomeadamente ao nível da proteção cardiovascular, do desenvolvimento cognitivo e da manutenção da saúde dos olhos.

  • Couve-lombarda

Vegetal com grande versatilidade, ideal para incluir em sopas mas também cozida ou confecionada juntamente com outros alimentos estufados.

Para além da sua fácil utilização, tem a vantagem de ser nutricionalmente muito rica em vitaminas C, B6 e E, em minerais, como cálcio, ferro e potássio, fibras e antioxidantes. Por esse motivo, é um alimento que ajudará a manter a saúde da pele e cabelo, da tensão arterial e da digestão.

  • Rabanete

Pertencente à familia da couve, do nabo e do agrião, rico em vitaminas C, K e do complexo B, antioxidantes, minerais como o potássio, o zinco e o fósforo, este alimento pode ajudar a controlar a tensão arterial, o funcionamento digestivo e estimular o sistema imunitário. Além disso, tem um baixo valor energético, pelo que é utilizado com muita frequência em saladas de legumes e sumos.

  • Nêspera

De sabor doce, a nêspera é uma fruta sazonal, repleta de nutrientes muito interessantes para a nossa saúde e por isso deve ser bastante privilegiada na primavera. A nêspera é rica em vitaminas A, fibra, potássio, cálcio, fósforo e betacarotenos, tendo por isso vários benefícios para a pele, perda de peso, saúde ocular, fortalecimento dos ossos, dentes e prevenção de alguns tipos de cancro.

  • Mirtilo

O mirtilo tem um valor nutritivo inquestionável e talvez seja por isso tão procurado, mesmo fora de época. Assim, aproveite este fruto que a primavera lhe traz e desfrute do seu potencial nutricional, do seu sabor e da sua versatilidade de utilização.

Fruto rico em vitaminas A e C, complexo B, magnésio, cálcio, ferro, fósforo e antioxidantes. O mirtilo poderá ser bastante benéfico para o nosso organismo, nomeadamente no controlo dos níveis de colesterol, da manutenção da saúde, do sistema urinário e digestivo e da melhoria da memória e da visão.

Aqui estão alguns alimentos característicos da primavera, procure incluí-los na sua alimentação, tendo sempre por base os conceitos de uma alimentação variada e equilibrada, poderá comer um pouco de tudo, privilegiando sempre os produtos regionais, ao natural e sazonais e, por isso, mais nutritivos, mais saborosos e mais baratos.

Boa primavera.

Odília Abreu

Centro Acupunctura do Funchal

Leave a reply